O Jogo ao Vivo

Festas populares

Porto sem São João e Lisboa sem Santo António este ano

Porto sem São João e Lisboa sem Santo António este ano

Porto e Lisboa cancelaram as festas populares deste ano face à pandemia de Covid-19. Em Gaia, também não vai haver romarias.

A Câmara do Porto comunicou, este sábado, o cancelamento das festas do São João, tendo em conta o "potencial risco para a saúde pública" que o evento representaria, por "reunir milhares de pessoas nas ruas", em tempos em que se pede recolhimento. O cancelamento inclui toda a programação prevista para a ocasião, incluindo concertos e outras atividades de animação.

"Uma medida que deixa os portuenses e todos os amantes desta grande festa certamente tristes mas que, nesta altura, se afigura a mais prudente, especialmente dada a incerteza de propagação do vírus e das suas consequências", pode ler-se a nota.

A Autarquia acrescenta que as verbas referentes às iniciativas agora canceladas serão "alocadas ao esforço do Município nas diversas ações de combate ao atual cenário de pandemia".

Afurada, em Gaia, sem S. Pedro

A Câmara de Gaia, que se associava à Câmara do Porto para a organização das festas de S. João, também anunciou o cancelamento do S. Pedro da Afurada, que todos os anos atrai milhares de pessoas às ruas daquela comunidade piscatória.

PUB

Santo António cancelado

O mesmo destino tem as marchas populares e arraiais de Santo António, em Lisboa. Em comunicado divulgado também este sábado, a Autarquia justifica a decisão, tomada em conjunto com a Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural (EGEAC), com a evolução da pandemia e com o facto de o período de confinamento e distanciamento social ter inviabilizado os ensaios das marchas.

O tema "Amália Rodrigues" transitará para a edição de 2021 das marchas populares, permitindo que todo o trabalho realizado (arcos, cenografia, figurinos), possa ser rentabilizado no próximo ano.

Outras Notícias