Estado

Governo deverá aumentar função pública entre 0,3% e 0,4%

Governo deverá aumentar função pública entre 0,3% e 0,4%

Índice de referência é a inflação de 2019 e não a de 2020, como seria expectável. Assim, os aumentos serão mais baixos.

O Governo prepara-se para usar a inflação de 2019, e não a do ano que vem, como é já tradição, na referência para os aumentos na Função Pública.

É uma opção mais barata para o Estado: os aumentos salariais ficarão assim entre 0,3% e 0,4% e não 1,6% que é a previsão de inflação do Governo para 2020. A notícia é avançada pelo Jornal de Negócios.

O valor de 1,6% como referência para os aumentos salariais é um número considerado incomportável pela equipa do Ministério das Finanças.

A proposta de aumentos no setor público será incluída no orçamento de Estado, a apresentar no dia 15 de dezembro. Segundo aquele jornal, aumentos salariais mais expressivos só serão sentidos em 2021.

Os sindicatos do setor preparam-se já para contestar essa opção que traz menos gastos para o Estado.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG