Exclusivo

Dois mil condenados por violência doméstica obrigados a reabilitação

Dois mil condenados por violência doméstica obrigados a reabilitação

Quase dois mil condenados por violência doméstica frequentam programas de reabilitação. Perto de 10% do número total de reclusos estão atrás das grades devido a agressões a familiares.

No final de junho deste ano, quase 10% dos reclusos em Portugal eram condenados por violência doméstica. Só os crimes de furto, roubo e homicídio tinham colocado mais gente atrás das grades. No mesmo período, havia também 847 pessoas que, embora em liberdade, estavam proibidas por um juiz de se aproximar das mulheres, namoradas, pais e avós que tinham atacado. A estes números há que somar outro dado paradigmático: quase dois mil homens e mulheres frequentavam programas de reabilitação para agressores. Os especialistas em violência doméstica defendem que deviam ser mais e que é a falta de técnicos nas cadeias, centros de tratamento e nos tribunais que impede uma intervenção mais ampla e profunda.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG