DGS

Mais mortes e grande aumento de internados com covid-19 em Portugal

Mais mortes e grande aumento de internados com covid-19 em Portugal

Este domingo registam-se oito mortos por covid-19 e 2323 novos casos positivos do coronavírus SARS CoV-2. Região de Lisboa com os valores mais altos.

Portugal tem um total de 17.156 óbitos associados à doença covid-19 e 907.974 infeções confirmadas desde março de 2020, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado diariamente pela Direção-Geral da Saúde.

Há agora 672 internados, mais 40 do que no sábado, quando houve 15 novos hospitalizados, e 153 estão nos Cuidados Intensivos (mais nove).

Mais oito doentes com covid-19 morreram, seis em Lisboa e Vale do Tejo, um no Alentejo e outro no Algarve. As vítimas são um homem e duas mulheres na faixa etária dos 60-69 anos, duas mulheres entre 70-79 anos e dois homens e uma mulher com 80 ou mais anos.

Dos 2323 novos casos positivos confirmados, 1058 foram notificados em Lisboa e Vale do Tejo e 693 no Norte (região que na véspera teve 1047 registos). O Algarve soma 242 infeções, o Centro 226, o Alentejo mais 64, os Açores mais 31 e a Madeira mais nove.

Há uma semana (dia 4) não houve registo de óbitos e registaram-se 2041 casos diários.

PUB

Na análise dos dados por regiões, Lisboa apresenta os valores mais elevados do país com 354.229 infeções e 7305 óbitos. Segue-se o Norte com um total de 353.402 casos e 5374 mortos. O Centro soma 124.588 positivos e 3030 óbitos. O Alentejo tem 31.790 casos e 974 mortos e o Algarve tem 27.342 casos e 369 mortos. Nas ilhas, a Madeira tem 10.073 casos e 70 óbitos e os Açores um total de 6550 infeções e 34 vítimas mortais.

Em 24 horas conseguiram recuperar mais 1019 pessoas, elevando para 845.516 os recuperados desde o início da pandemia em Portugal.

Aumentaram também os casos ativos para 45.302 (mais 1296) e as autoridades de saúde acompanham atualmente 73.762 contactos (mais 1127) de pessoas com covid-19 a recuperar no domicílio ou de quem está em isolamento profilático devido a um contacto de risco.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG