O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Médicos do Algarve aliciados a trocar férias por dinheiro

Médicos do Algarve aliciados a trocar férias por dinheiro

O Centro Hospitalar e Universitário do Algarve (CHUA) está a pedir a médicos, enfermeiros e outros profissionais que abdiquem de tirar férias até setembro para dar resposta ao aumento da procura de todos os serviços, em especial das urgências.

Numa circular interna, com data do passado dia 8, a administração do Centro Hospitalar e Universitário do Algarve (CHUA) compromete-se a pagar "pelos prejuízos sofridos" uma indemnização que triplica a remuneração correspondente ao período que for adiado. E permite que as férias sejam remarcadas até 30 de abril do próximo ano.

A majoração em 50% do valor da hora extra aos médicos da casa que fazem urgências e o aumento do preço/hora a pagar aos prestadores de serviços são outras medidas em vigor para evitar a rutura dos serviços. Ainda assim, as respostas estão no limite e os constrangimentos são constantes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG