Boletim DGS

Menos internados e ligeiro aumento de doentes graves com covid em Portugal

Menos internados e ligeiro aumento de doentes graves com covid em Portugal

Portugal regista, esta quinta-feira, 2552 novos casos de covid-19. Morreram mais 15 pessoas infetadas com a doença. As hospitalizações continuam em queda mas os doentes em UCI aumentaram ligeiramente: são agora 150.

Depois do aumento de casos registado na quarta-feira (3062: o maior número dos últimos 20 dias), o país contabiliza, hoje, 2552 infetados, valor muito semelhante ao da quinta-feira da semana passada (2554).

Pelo terceiro dia consecutivo, as vítimas mortais permanecem acima de dez - 15 cidadãos perderam, hoje, a batalha para a doença - após quatro dias, de sexta-feira a segunda, em que ficaram abaixo dessa linha.

Desde o início da pandemia, morreram 17.689 pessoas, 1.028.421 contraíram a doença e 965.324 recuperaram, 2119 delas nas últimas 24 horas.

O boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) indica ainda que existem, neste momento, 45.408 casos ativos em território nacional, mais 418 do que ontem.

Norte segue com mais casos e LVT com maioria das mortes

PUB

Tal como ontem, a região Norte contabiliza a maior parte dos infetados: 899, seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo, com 819, o Centro com 390, o Algarve com 235, o Alentejo com 177, a Madeira com 16 e os Açores com outros 16.

A maior parte das vítimas mortais, sete, foi reportada em LVT, havendo ainda três no Norte, três no Centro e duas no Algarve. São 11 mulheres (sete octogenárias, duas na casa dos 70 anos, uma com 60 e outra com 50) e quatro homens (três na faixa etária dos 80 e um entre os 50-59 anos).

Hospitalizações em queda há três dias

Pelo terceiro dia consecutivo, as hospitalizações diminuíram. Há, agora, 670 portugueses a precisar de tratamento hospitalar, menos 18 do que ontem. No entanto, há mais seis pessoas em Unidades de Cuidados Intensivo, num total de 150.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG