Corredor Energia Verde

Governo garante que acordo sobre gasoduto serve os interesses nacionais

Governo garante que acordo sobre gasoduto serve os interesses nacionais

A ministra da Presidência garantiu, este sábado, que o acordo sobre o gasoduto ibérico serve os interesses nacionais. Em reação às críticas do PSD, Mariana Vieira da Silva acusou os sociais-democratas de não perceberem que, desde 2015, o país tem um "Governo que defende o país de igual para igual".

"O PSD, desde 2015, ainda não percebeu que temos um Governo que defende o país de igual para igual, junto da União Europeia e também dos nossos vizinhos europeus", atirou, este sábado, a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva.

Reagindo ao PSD, que considerou que o acordo, firmando entre Portugal, Espanha e França, com vista à criação de um Corredor Energia Verde, não serve os interesses nacionais, a ministra lembrou que o gasoduto ibérico foi elogiado pelos "principais primeiros-ministros europeus", que "destacaram a importância deste acordo".

PUB

"É um acordo que ninguém esperava", acrescentou Mariana Vieira da Silva, referindo-se a um acordo que o PS e o Governo têm apresentado como sendo "histórico".

Lembrando que está em causa a segurança energética da União Europeia, a ministra da Presidência prosseguiu: "É isto que se espera de um país num momento difícil, é que, no espaço da União Europeia, se possa bater pelas melhores soluções".

"E o PSD a única coisa que sabe dizer é que o acordo não lhe serve, porque, na verdade, numa compreendeu como é possível esta pertença portuguesa numa Europa diferente", concluiu Mariana Vieira da Silva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG