O Jogo ao Vivo

Saúde

Primeiro centro de rastreio de Covid-19 em modelo "Drive Thru" no Porto

Primeiro centro de rastreio de Covid-19 em modelo "Drive Thru" no Porto

Com o objetivo testar doentes fora de meio hospitalar, em condições de conforto e segurança coletiva, e aliviar o afluxo de potencias suspeitos portadores aos hospitais, a Unilabs, Câmara do Porto e Administração de Saúde do Norte prepararam, nas últimas 72 horas, o primeiro centro de rastreio para Covid-19 em modelo "Drive Thru" em Portugal.

Este centro de testes será montado no recinto do Queimódromo, a partir de quarta-feira, dia 18 de março, e permite a pacientes previamente referenciados pelo Serviço Nacional de Saúde, deslocar-se até ao ponto de recolha, "sem entrar em contacto com outras pessoas, reduzindo o risco de infeção em cada colheita até para os profissionais envolvidos", explica um comunicado conjunto das três entidades. Os resultados serão depois enviados diretamente ao suspeito e às autoridades de saúde pública.

O sistema, cujas entradas e saídas serão controladas pela Polícia, permitirá a realização de cerca de 400 testes diários numa primeira fase, podendo evoluir para perto de 700 testes por dia. Este centro estará dotado com médicos de Medicina Geral e Familiar que aplicarão um inquérito epidemiológico e sintomático (RedCap) que avalia a necessidade de teste ou de outra orientação.

"Só se deverão deslocar ao local pessoas previamente referenciadas, já que o sistema não permitirá a execução de testes 'ad hoc'", explicam a Câmara do Porto, a Unilabs e a ARS-Norte.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG