Exclusivo

Radares de velocidade apanham mais de mil aceleras por dia

Radares de velocidade apanham mais de mil aceleras por dia

Infrações ultrapassaram o período de pré-pandemia, mas não superam 2020. Registados 284km/h na A1 em 30 de janeiro. Equipamentos de controlo têm função "de dissuasão e de prevenção que não está a ser cumprida", dizem especialistas.

Nos primeiros seis meses do ano, os radares apanharam 1038 pessoas em média por dia a exceder o limite de velocidade. Os dados da Autoridade Nacional da Segurança Rodoviária (ANSR) mostram terem sido registadas 186 954 infrações de velocidade de 1 de janeiro a 30 de junho de 2022 nos equipamentos da rede Sincro, o Sistema Nacional de Controlo de Velocidade. São mais 20% e 44% do que em igual período de 2021 e de 2019, respetivamente.

Os números enviados pela Segurança Rodoviária ao JN revelam que o primeiro semestre de 2022 não ultrapassou, porém, o período homólogo de 2020. Mesmo marcado por períodos de confinamento, o ano em que surgiu a covid-19 registou mais infrações de velocidade nos primeiros seis meses (257 560) do que o mesmo intervalo de tempo dos anos seguintes, 2021 (155 513) e 2022 (186,9 mil).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG