São Tomé e Príncipe

Cascais

Jogadores de S. Tomé desaparecidos estarão bem e em casa de família

Os sete jovens futebolistas da seleção de sub18 de São Tomé e Príncipe, dados como desaparecidos desde quarta-feira, à noite, do hotel Pestana, em Cascais, poderão ter fugido voluntariamente e estar acolhidos em casa de familiares, na região da Grande Lisboa. Quatro jogadores já regressaram, confirmou um responsável da federação são-tomense à agência Lusa.

Imagens

Últimas