África do Sul

Polícia fotografou João Rendeiro no momento da detenção

Polícia fotografou João Rendeiro no momento da detenção

João Rendeiro foi detido no sábado de manhã na África do Sul por agentes policiais, que fotografaram o ex-banqueiro, condenado a pena de prisão em Portugal, no momento da detenção.

O ex-presidente do BPP foi fotografado pela Polícia quando, pelas 7 horas locais de sábado (5 horas em Portugal continental), foi detido num hotel de luxo, em Durban, uma cidade costeira sul-africana, avançou a TSF. O ex-banqueiro já foi transferido para uma esquadra local. Na segunda-feira, vai, segundo as autoridades sul-africanas, ser apresentado a um juiz para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação. Só posteriormente será decidido se será, ou não, extraditado para Portugal.

Em causa está, sobretudo, o cumprimento de uma pena de cinco anos e oito meses de cadeia por ter, com outros ex-administradores, omitido a real situação financeira do banco até este falir, em 2008. João Rendeiro está também condenado noutros dois processos, em primeira instância, por atos à frente do BPP, mas as decisões ainda não transitaram em julgado.

Antes de se esconder, a 18 de setembro de 2021, na África do Sul, João Rendeiro esteve no Catar, no Médio Oriente, apurou o JN. O antigo banqueiro, de 69 anos, demorou quatro dias a deslocar-se entre o Reino Unido e a África do Sul e as autoridades não excluem que tenha passado por mais países.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG